os que ficaram

the leftoversTudo é muito sério em The Leftovers, a nova série da HBO. A história é uma adaptação do livro Os Deixados Para Trás, de Tom Perrota, sobre o sumiço sem explicação de 2% dos habitantes da Terra. Apesar da semelhança com a trama da série de livros cristãos Deixados Para Trás (muita gente está confundindo e adorando a série por isso), não há uma explicação religiosa. Os que ficaram estão com a vida suspensa, entre o luto e a raiva. Seitas malucas pipocam por todas as partes e entram em choque com aqueles que se recusam a chamar os que foram de heróis.

A série tem como cenário a fictícia Mapletown e se passa três anos após o tal evento. Acompanhamos o chefe de polícia Kevin Garvey (Justin Theroux, que faz parte do clube Jon Hamm – if you know what i mean), um homem quase sempre prestes a explodir de raiva e que vive apenas com sua apática filha, Jill (Margaret Qualley). Eles não perderam ninguém no sumiço coletivo, a raiva que Kevin sente é causada pela mulher, que abandonou a família para entrar numa seita onde todos se vestem de branco e fazem voto de silêncio (vontade de atropelar cada um deles). Ah, sim, há outras coisinhas, mas isso é o de menos. Apesar do cuidado padrão HBO, a série não foge do climinha Jericho, Under the Dome e outras séries com evento misterioso que deixa a população de uma cidade do interior em faniquito. Há sempre alguma ameaça velada e tudo é muito sério, urgente, cínico e pesado.

Dos livros adaptados de Perrotta, Eleição e Pecados Íntimos têm em comum o tom satírico que falta em The Leftovers. O piloto com mais de uma hora não me prendeu totalmente, mas há bons momentos. Tomara que foquem mais no drama pessoal que na necessidade de explicar o que aconteceu. Para algo assim, veja Les Revenants.

The Leftovers tem supervisão de Damon Lindelof e a sempre bonitinha Liv Tyler no elenco.

Anúncios

6 comentários em “os que ficaram”

  1. Ainda não me convenci a ver, especialmente quando li por ai como “Nova Lost”. Fui enganado com V e FlashForward e não caio mais rs. Mas o elenco parece interessante. Esperar sair uns 4-5 capitulos e decido se vejo ou não.

    1. Tirando o nome do Damon Lindelof, não vi nada de Lost, não. Acho que o povo está embarcando nessa conversa porque tem um grande mistério, mas o tal arrebatamento é a penas o motim da série, não o tema principal.

      >

      1. Quando Lost virou o que virou, começaram a usar esta desculpa também, que o foco eram os personagens e não o mistério ahuahuahuahua. O pior que eu gosto de Lost, e não me incomodei deles não “responderem”, porque responderam muita coisa, mas no fim, a maioria das respostas foi Deus Ex Machina demais para mim. Eu particularmente prefiro que não respondam do que responder de qualquer jeito.
        Ai me lembro do episodio “The Room” de Six Feet Under e penso como não ter resposta as vezes é o suficiente ❤

      2. Eu acho que as pessoas estão indo ver The Leftovers pelo motivo errado. Ninguém vai explicar o que realmente aconteceu, a história é mesmo sobre as consequências. Eu também não me importo de não ter respostas, talvez tenha aprendido isso também com SFU. Peraí, acho que aprendi mesmo com SFU.

    1. É um episódio do início da primeira temporada, quando o Nate descobre o quarto que o pai usava para passar o tempo sozinho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s