canibalismo vegetariano

hannibal nbcO engraçado em Hannibal é que o canibalismo de seu protagonista (ou co-protagonista) não é a parte mais exótica da série, na verdade, nem choca, embora a edição tente algum suspense quando o personagem de Lawrence Fishburne janta na requintada casa do Dr. Hannibal Lecter. O que realmente chama atenção é o cuidado e a nítida preparação de Bryan Fuller para levar à televisão o psicopata canibal mais famoso da literatura e cinema. Segundo Hugh Dancy, o verdadeiro protagonista, o agente especial Will Graham, Fuller desenhou com detalhes a primeira e a segunda temporada, com planos de desenvolvimento até a sétima. Há um requinte que não costuma aparecer em séries de tv aberta.

A série se passa nos dias atuais e e os acontecimentos são anteriores a Dragão Vermelho, com Hannibal servindo de consultor e psiquiatra de Will Graham, o genial e problemático ex-agente do FBI que volta  à ativa para ajudar nas investigações dos desaparecimentos de jovens garotas. A atmosfera é pesada, a fotografia desbotou todas as cores e as únicas bem definidas são as de Hannibal. Por enquanto, ele é um coadjuvante observador, na forma do ótimo e esquisito Mads Mikkelsen, mas ganha mais voz ao longo dos episódios. Por enquanto, a série é de Hugh Dancy, que ainda não sei se também é ótimo, mas por quem tenho forte empatia. Seu Will tem textura e isso fica claro na caracterização. O cabelo que nunca está penteado, a barba e as roupas de algodão e flanela. A vulnerabilidade psicológica o leva ao limite, o que desperta o interesse de Hannibal. Neste primeiro momento, a série constrói o relacionamento dos dois, em como eles são psicologicamente iguais, mas diferentes em comportamento.

Hannibal é uma série pesada, visualmente violenta, até o Dexter ficaria meio sem jeito, mesmo não sendo um thriller. O andamento é quase um The Killing. Tanto que seu quarto episódio não foi exibido nos Estados Unidos, em respeito às vítimas do atentado em Boston. As partes importantes foram disponibilizadas online e o quinto episódio foi exibido em seu lugar. No Brasil, o AXN deve exibir normalmente na semana que vem. Ainda é cedo para falar que a série é muito boa, até porque, o terceiro episódio deu uma derrapada à la The Following, mas finalmente a NBC deu uma dentro. Apesar da baixa audiência, Hannibal deve ser renovada para a segunda temporada, quando todos saberão da dieta do Dr. Lecter.

Anúncios

4 comentários em “canibalismo vegetariano”

      1. O Fuller disse que adoraria fazer um filme ou minissérie de Pushing Daises, visto que o canal Sarz trouxe de volta Torchwood neste formato.

        Eu errei, não é Charlie, é Chuck!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s