volta às séries

elsbeth e dianeMesmo tendo dezenas de séries que sempre digo que vou ver, entro num deslocamento absurdo quando as séries atuais entram no recesso de fim de ano. Felizmente as “férias” acabaram e elas estão de volta com episódios inéditos.

The Good Wife. Descobri que pulei um episódio e fui direto ao ótimo Je Ne Sais What?. The Good Wife é ótima até quando vira uma comédia. Entre tantas participações especiais, a de Carrie Preston como a bitolada Elsbeth Tascioni continua sendo a melhor! Teve pouco Kalinda, mas muito Elsbeth, o episódio foi para ela, movimentando Alicia, Will e Diane, que arrasou conseguindo a simpatia dos juízes com seu francês fluentes + Kalinda e sua sainha de couro e um sorriso no rosto. Pelo que tudo indica, Elsbeth ainda vai aparecer bastante nesta temporada. Atualizado: vi Boom De Yah Da e é excelente, com tudo o que  a série nos acostumou em seu padrão de qualidade: texto, caso da semana, artimanhas políticas e muitas complicações. E dengue!

Smash. Já na primeira sequência, Smash jogou no lixo toda a gordura da primeira temporada, só sobrou um pneuzinho que, ainda bem, também já foi eliminado no final do episódio. Graças a Deus, Karen já não é tão ingenua e as músicas originais funcionaram tão bem quanto na primeira temporada. Jennifer Hudson entrou com tudo e felizmente faz uma diva pé no chão. Como já era de se esperar, Josh Safran injetou um pouco de Gossip Girl na história, inventando um festão de gente rica para concentrar todo o clímax do episódio. Mas cá entre nós, quem convida alguém para uma festa só para demiti-la? E  quem confronta o marido e arma um barraco no meio de um evento profissional? Smash ainda me irrita em alguns pontos, mas já melhorou muito.

Shameless. Os Gallaghers de sempre, sem vergonha alguma. Acho que Shameless é uma série subestimada, pois há uma naturalidade (embora as situações sejam absurdas) impressionante. É mais fácil retratar uma família rica ou de classe média que uma família pobre, é só ver pela cenografia e direção de arte, que eu acho impecáveis na série. Uma casa de pobre pode ser limpinha, mas nunca é arrumadinha e organizada. Há muitas improvisações, coisas fora do lugar e toda a dinâmica é adaptada às funcionalidades da casa. Todo o elenco de Shameless é incrível por entender esta dinâmica.

Anúncios

5 comentários em “volta às séries”

  1. NOSSA!!! Eu amei os dois episodios de The Good Wife de 2013, mas o com Elsbeth, foi demais. Q personagem!!!! Ela me fez abrir um sorrisao enorme. Como eu me identifico, me divirto e me deixo levar pela Rambo jurídica de saias. Precisamos dar um premio (Emmy) pra ela por esse episodio. Foi uma sinfonia perfeita com todos ajudando-a. Achei maravilhoso qd Diane defende uma mente aberta e qd Kalinda provoca a simpatia com a sainha. Isso q é poder feminino.

    Qto a Smah, gostei mto. JHud foi tudo. Só nao quero q ela seja uma vilã. Ainda nao sei o q esperar. Se ela só cantar, já fico feliz em ficar arrepiado. Já Shameless, terminei a segunda no fim de ano. Vou esperar um pouco pra voltar aos Gallaghers. Tem mta coisa nova a se dedicar no mundo das séries, além de estagio, provas, compromissos… Oh, vida difícil.

  2. Ah, teve sorrisinho tb pela bandeira do Brasil bem no meio, atrás do julgador do meio? Será q quiseram nos mostrar como um país parcial e tendencioso? Foi algo subliminar? Com TGW nunca se sabe.

    Eu estava tao imerso no caso, q só fui perceber no final, depois q Elsbeth surge correndo (q cena inusitada e mto bem posta). MeDEUS, estou certamente aficionado por esse episodio.

    1. “linda a sua blusa”, “ah, o Will, eu gosto do Will”, “a Diane está no caso? Ela é tão elegante”. Amo os desvios de atenção dela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s