onde todos são max

Minha infância não teve Maurice Sendak. Como para a maioria dos brasileiros, só o conheci quando Spike Jonze dirigiu Onde Vivem os Monstros , mas pareceu que eu já o conhecia desde sempre, ou melhor, que ele me conhecia.

Maurice Sendak faleceu esta semana aos 83 anos. Tenho profundo respeito por pessoas que tratam crianças como criaturas inteligentes e que entendem que elas podem, assim como adultos, ter sentimentos extremamente complexos e contraditórios. Raiva, solidão, egoísmo, amor… Acho que vale mais que “a moral da história”. Todos os Max do mundo lamentam a perda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s